sábado, 19 de julho de 2008

Insensato querer

Volto a pisar esse chão...
Venho buscar os pedaços
De um coração exilado
Um tanto apaixonado
Trago nas mãos uma estrela
Que colhi pra te ofertar
Fragmentos da tua beleza
Que brilham no meu caminhar
Abro minha guarda
Colo os retalhos da alma
E vou que vou
Seja onde fôr
Abro os braços pro amor
Ana Lúcia Camargo

Nenhum comentário: